OBRIGADA, VIRALATAS

Uma imagem vale mais do que mil palavras. Mas se for pra definir com apenas uma o carnaval de 2009, diria: INESQUECÍVEL.
Certamente, neste momento, as palavras são desnecessárias, já que Clara Sandroni, gentilmente, registrou com a máquina fotográfica quase mil imagens dos desfiles do Viralatas, no sábado, 21, e segunda, 23.


Comissão de frente do Viralatas do Samba 2009 - A Roda de Samba dos Viralatas.


Puxadores do samba "Viralatas é só Alegria", Washington e Amanda.





Parte da bateria ma-ra-vi-lho-sa do Viralatas.


Adriel Job, mestre da bateria.


Andreia Baiana, madrinha da bateria.


Sheila e José Raimundo, porta-estandartes.



























Sadalla Saad, um dos fundadores de Os Bicancas, prestigiou os desfiles do Viralatas com sua presença.









































Nádia Cury e Lorice Cury Saad representaram com muita animação a velha guarda de Os Bicancas. Valeu!



Até o secretário de Cultura, Mauri Palos, entrou na roda de samba.









O adereço de cabelo da porta-estandarte foi elaborado por Thiago Castro (abaixo).














Wagão Sabbag, também ex-bicanca, não aguentou a emoção e entrou para a bateria, na segunda. Presença super bem-vinda!












"Eu comprei uma bicicleta e o Lucas Dias levou / Eu comprei uma bicicleta e o Lucas Dias levou / Ele levou e não pagou / Ele levou e não pagou..."

Os encontros diários no barracão do Viralatas, organizado por Thiago Leonel, a maioria deles, musicais, já deixaram muitas saudades. E tudo fica ainda mais permeado pela emoção quando lembro que em 1947 saia desse mesmo local, pela primeira vez, o bloco Os Bicancas (bicanca significa nariz grande), uma reunião de amigos descendentes de sírio-libaneses. Este ano, reescrevemos a história, renovada, do nosso jeito, viralata. Em nossos corações e mentes, a certeza de que mais uma semente foi plantada, senão na história de Guaxupé, na história das nossas vidas.

DO FULCRO DO MEU SER, OBRIGADA, VIRALATAS!

Comentários

Carolina Zaiat disse…
LIndo LIndo LIndo!!
sem palavras...
parabenssssssssssssss, viralatas!!

um beijo de uma das viralatas legitimas que esta longe!!!
Bisteca disse…
"Carolina é uma menina tão difícil de esquecer..."
LOLAAAAUDES!
Precisava registrar que faltou você.
beijos
Helena Gomes disse…
PUTA MERDA, MARAVILHOSO
Flog disse…
PUTA MERDA, MARAVILHOSO(2)
Roberto Carlos Ribeiro disse…
Sheila,
Passei o carnaval em Guaxupé. Voltando para Porto Alegre, resolvi escrever uma mensagem para o blog Viralata. Como bem sabemos todos nós, o tempo foi passando e eu adiando a escrita. Finalmente ela pousou no papel, digo, na tela.

Há tempos não ia para a terrinha no carnaval. Coisa de onze anos, mais ou menos. Como mantenho contato com as pessoas daí, sabia que o carnaval, como conhecêramos, tinha acabado. Era somente o Baile do Risca-Faca, como era denominada aquela farsa carnavalesca enfiada goela abaixo da população. Tempos idos, finalmente.

O Bloco Viralatas do Samba estava muito bem. Assisti à concentração e ao desfile de vocês. Adorei reconhecer velhos amigos e colegas: Maria Alice, José Raimundo, Washington e, principalmente, a minha primeira professora Nádia Cury, feliz, extravasando a alegria pelos paralelepípedos da Conde Ribeiro do Valle (certamente se lembrando da época dos Bicancas). Espero que a iniciativa do grupo tenha contagiado a moçada que vive se “escondendo” dentro dos barracões. O que vale, mesmo, é a descontração de sair dançando e cantando pelas ruas da cidade, acordando a alegria e fazendo dormir a tristeza. Parabéns para vocês todos do Viralatas.

Me entusiasmei com os blocos e as escolas de samba: XV de novembro, Feijão Queimado, Fênix e outros que esqueci os nomes. Via-se nos rostos das pessoas que desfilavam, e das que assistiam, a alegria de poder voltar à avenida para comemorar a data. A turma que seguiu os trio-elétricos estava esfuziante. Até onde eu sei, tudo na maior paz, sem grandes percalços.

A expectativa agora é para o próximo ano. Esperamos que possa ser cada vez melhor, até recuperar aquele título (verdadeiro ou não) que todos nós amávamos dizer de que Guaxupé fazia o melhor carnaval da região, título que acabou passando para Guaranésia e Muzambinho. Ou melhor, Guaxupé, Guaranésia e Muzambinho merecem e podem ter os seus melhores carnavais da região.

Um grande abraço,

Roberto
bisteca disse…
Que delícia reler esse seu comentário, Roberto Carlos, agora em setembro de 2017... Infelizmente, o Viralatas foi pra avenida pela última vez no carnaval de 2012. E Guaxupé continua promovendo um carnaval tímido e sem personalidade definida. Apesar de os paralelepípedos continuarem firmes, muitos carnavalescos sucumbiram.
Abraço saudoso!
Bisteca

Postagens mais visitadas deste blog

transformAÇÕES

guerreira da roça

guaxupé - cem histórias