casa da cultura, ponto de encontro

A nova diretoria da Casa da Cultura apresentou, no último sábado, os professores de música da instituição. O maestro Júlio César de Miranda deu um espetáculo à frente da Orquestra Jovem de Botelhos, com um repertório que incluiu clássicos do rock; já o maestro Talles Júnior Fraga apresentou-se com o Coral da “Fati” (Faculdade Aberta da Terceira Idade - Unifeg); o baterista Nilson Alcântara (Ratinho) realizou uma performance de percussão acompanhado de dois dos seus alunos.
Esses cursos representam uma boa oportunidade para jovens e adultos ingressarem no mágico universo da música, pois os preços das aulas são bem acessíveis e o ensino é de qualidade. Por exemplo, as aulas de instrumentos de sopro - formação da Orquestra Jovem de 10 a 15 anos - são gratuitas. Para as aulas de bateria, com o Ratinho - vagas limitadas, é preciso fazer um teste - basta investir R$ 20,00 ao mês. Começará, em breve, a Escola de Percussão, mas a instituição não forneceu mais detalhes.



PONTO DE ENCONTRO

Fomos comer pizza após o evento na Casa da Cultura: o frio pedia um vinho ou um conhaque e o estômago cheio. Vale registrar que a pizza do lugar continua de excelente qualidade, mas o atendimento ficou devendo. Estávamos num grupo de 7 amigos e pedimos 2 pizzas grandes. Primeiro, as bebidas demoraram a chegar. Quando recebemos uma das pizzas, o garçom nos informou que não havia mais escarola para fazer a segunda. Então, in-conformados, aguardamos mais um bom tempo até chegar nossa segunda opção. Na última foto, meus companheiros estão pedindo "escarola".

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

transformAÇÕES

guerreira da roça

guaxupé - cem histórias